História de Sucesso: Escola Patronato conta com o EduPay para negociação de cobrançasLeitura de 7 minutos

Agenda Edu EduPay 26 de maio de 2021
Crianças estudando na escola Patronato

author:

História de Sucesso: Escola Patronato conta com o EduPay para negociação de cobrançasLeitura de 7 minutos

O EduPay conheceu a história do Colégio Patronato, que para atravessar os desafios da pandemia, utilizou a automação de cobranças na negociação dos pagamentos escolares. 


Era 1954, quando o Colégio Patronato Pe. Luiz Barbosa Moreira de Fortaleza, Ceará iniciou suas atividades educacionais. Fundada pelas irmãs Josefinas, e numa perspectiva humano-cristã, a instituição começou com turmas apenas do jardim de infância.


Com o tempo, os pequenos alunos foram crescendo, e a escola enxergou a possibilidade de também crescer junto. Motivado pelo desejo dos pais e responsáveis de continuar o ciclo estudantil de seus filhos na escola, o Patronato expandiu as turmas para o Ensino Médio. 


Desde então já são 445 alunos no total, seguindo forte sua missão de ser um ambiente acolhedor e libertador. O lema da escola “Educar é antes de tudo um ato de amor”, assume o compromisso de educar com responsabilidade, na busca por uma sociedade mais humana e fraterna.


Moldada pelas constantes mudanças na educação e na própria sociedade, a pedagogia josefina hoje propõe alternativas que encorajam o protagonismo dos educandos para ler, interpretar e responder criticamente aos desafios e apelos do mundo moderno.


Evasão escolar na pandemia: como reduzir o impacto na gestão financeira


Uma nova missão: Se reinventar para educar 


Aproximando dos 70 anos de existência, o Patronato lida hoje com as consequências geradas pela pandemia da Covid-19. O momento desafiador exigiu um relacionamento ainda mais forte com os alunos, pais e responsáveis. Para a irmã Benedita, diretora pedagógica do Patronato, a Agenda Edu fez toda diferença nesse processo:


“A pandemia nos forçou a aprimorar o uso da tecnologia. E a Agenda Edu foi uma experiência muito necessária para esse momento. Nos aproximamos muito das famílias e a comunicação ficou muito mais eficiente.” 


Adepto da Agenda Edu desde fevereiro de 2020, o colégio se esforçou para continuar mantendo contato com alunos e responsáveis desde o início do isolamento social. Mas para continuar com a boa relação com a família, a escola também enfrentaria outra dificuldade: as cobranças de mensalidade.


Muitas das famílias da instituição questionaram a necessidade de continuar o pagamento integral das mensalidades. Outras, mais afetadas pela crise financeira, deixaram de cumprir com os compromissos.


Com isso, a solução encontrada para ser mais flexível com as cobranças, sem afetar as obrigações fiscais e trabalhistas da instituição, era a negociação das mensalidades.


“Quando o EduPay nos foi apresentado, vimos logo que era aquilo que estávamos precisando pra nossas negociações. Era uma forma da gente conseguir talvez resgatar algumas das nossas dívidas”, explica a irmã Benedita.


Aprenda 5 estratégias de cobrança escolar para fugir da inadimplência


Uma nova fase: Praticidade na rotina de pagamento escolares 


Os primeiros passos foram dados, o EduPay chegou com o propósito de facilitar a gestão financeira da escola, que já passava por dificuldades. Mas bem antes da pandemia, a realidade das cobranças da escola, era bem diferente. 


Segundo Vandreane, auxiliar financeiro da escola, não havia nenhuma medida preventiva para combater a inadimplência. Com centenas de alunos, era impossível para escola notificar cada família sobre o pagamento.


“Não existia uma cobrança, ou algo que fizesse com que os pais não esquecessem dos prazos. O que acontecia, era uma ação quando alguém já estava em atraso. O responsável da tesouraria fazia uma verificação manual de quem estava com o pagamento em aberto, e entrava em contato via telefone mesmo.”


Sem o cuidado na comunicação da cobrança, muitos responsáveis alegavam ter esquecido da data de vencimento da mensalidade, ou mesmo não ter recebido o boleto. Com o EduPay, a escola pode contar com função de notificações automáticas, onde o responsável recebe lembretes no seu aplicativo, o que contribui na redução das taxas de inadimplência.


Baixe o ebook “Como reduzir a inadimplência escolar com cobranças recorrentes”


As notificações permitiram a Vandreane programar os alertas de acordo com a proximidade dos vencimentos (cinco dias antes, na véspera e na própria data). Além disso, a escola também pode assegurar o recebimento das faturas. “Não tem como o pai dizer que não recebeu o boleto, ou esqueceu o pagamento”, conclui Vandreane.


O EduPay como estratégia na negociação de débitos escolares


Em meio a um cenário de crise, família e escola precisavam chegar a um acordo. Os pais pediam por descontos, mas ampliar as possibilidades de pagamentos parecia uma alternativa menos prejudicial para o Colégio Patronato. Foi então que para contornar os casos de inadimplência, a instituição definiu sua própria estratégia com o EduPay. 


A escola utiliza da modalidade cobrança única para negociar o valor total da dívida de forma parcelada em até 12x no cartão de crédito. Já com a função de cobrança recorrente, a instituição atende os pais que optam pelo boleto bancário, mas que também desejam pagar o total do débito de forma mensal.


Com as formas de pagamento disponíveis para boleto e cartão de crédito no EduPay, o Patronato consegue adaptar a cobrança à realidade de cada família, o que garante maior conversão. Ao oferecer condições especiais para os pagamentos em atraso, a instituição também consegue dar uma margem de tempo maior para os responsáveis quitarem a dívida.


Cobranças recorrentes: a solução definitiva para a cobrança de mensalidades escolares


A negociação que antes era firmada através de um contrato de compensação de dívidas, ganhou reforço também na comunicação da cobrança. Para Vandreane, a padronização da cobrança foi essencial para manter a seriedade e credibilidade do processo. 


“A gente não tinha tempo pra ficar ligando. E isso também é uma coisa um pouco chata de fazer, ficar insistindo e cobrando o valor que está em aberto. Então quando o comunicado vai pela tecnologia, que envia uma mensagem, um email, não tem erro”.


Com o EduPay, Vandreane também consegue acompanhar mais de perto todo o processo de cobrança. As antigas planilhas, contratos e remessas de boleto dão lugar aos relatórios claros, simples e precisos da funcionalidade. 


Experimente o EduPay na sua escola


O EduPay nasceu com o propósito de tornar a relação financeira entre família e escola mais simples, transparente e segura. Hoje, já são mais de 150 escolas que escolheram a nossa solução para tornar sua rotina descomplicada. E a sua instituição também fazer parte dessa jornada. 


Caso sua escola já seja parceira Agenda Edu e agora queira aderir ao EduPay, é muito fácil! Entre em contato com o seu assessor de engajamento ou clique aqui para preencher o formulário. Retornaremos para você e a funcionalidade será habilitada sem nenhum custo de adesão! 


Mas se você ainda não utiliza a Agenda Edu na escola, fale com um dos nossos consultores educacionais e conheça todas as vantagens de ter a Agenda Edu + EduPay na sua gestão escolar. O EduPay foi desenvolvido depois de diversas conversas com educadores e gestores de escolas. E quanto mais nos tornamos parte do dia a dia das nossas escolas parceiras, mais valor conseguimos entregar a elas. Clique aqui e conheça mais sobre o EduPay.


capa do ebook como reduzir a inadimplência
         
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *