Tecnologia no ensino: descubra o que já está fazendo a diferença nas salas de aulaLeitura de 4 minutos

Tendências em educação 24 de abril de 2019
tecnologia na educação

author:

Tecnologia no ensino: descubra o que já está fazendo a diferença nas salas de aulaLeitura de 4 minutos

Você deve concordar que, hoje em dia, a tecnologia é muito mais aliada do que inimiga do processo de educação, certo? Basta que ela seja bem usada. 

 

Até porque, no contexto atual, já se pode trabalhar com um fato: instituições que ignoram os benefícios da utilização da tecnologia no ensino estão ficando para trás diante da concorrência.

 

Os alunos do século XXI querem muito mais do que sentar em fileiras, ouvir os professores falarem por horas seguidas e copiar a matéria do quadro. É justo, a era digital fez isso!

 

Por isso, no nosso post de hoje, vamos falar um pouco do que já está sendo usado em sala de aula, em termos de tecnologia.

 

Tecnologia no ensino: quais as possibilidades e o que já está sendo feito

 

Primeiramente, vale salientar que para introduzir a tecnologia no ensino da sua escola é preciso tanto entender quais são as demandas e interesses dos seus alunos quanto levar em conta os limites financeiros e estruturais da sua instituição. Assim, é possível empregar os recursos de forma mais assertiva, colhendo os melhores resultados possíveis e sem “ficar no vermelho”.  

 

Contudo, atualmente, dentre as possibilidades mais utilizadas de tecnologia em sala de aula, estão duas em especial: a gamificação e a realidade virtual

 

Quanto à gamificação

 

Do inglês “gamification”, o termo refere-se ao uso de jogos, especialmente virtuais, no planejamento pedagógico dos professores. O objetivo desta prática é despertar o interesse e engajamento dos alunos no processo de aprendizagem —  o que é um dos grandes desafios das escolas, hoje em dia. 

 

“A gamificação no ensino torna as aulas mais atraentes, contextualizadas e produtivas para os estudantes, contribuindo para uma formação completa”, destacou o texto “Gamificação e o ensino: aprenda uma nova forma de educar“, publicado em junho do ano passado pelo portal oficial da linha de software SophiA, focada em soluções tecnológicas para o gerenciamento de instituições de ensino.

 

O artigo também apontou que essa metodologia pode ser usada em todas as disciplinas e, que além disso, os pais dos estudantes também podem entrar nos jogos — “seja participando de atividades propostas pelo colégio ou mesmo utilizando a gamificação nos momentos de interação com os filhos em casa”, explicou a publicação. 

 

Quanto à realidade virtual

 

Por meio dessa tecnologia, é possível criar um ambiente virtual a partir de um sistema de computador. Nele são introduzidos diversos efeitos — visuais e sonoros, por exemplo — para que o usuário seja inserido em um ambiente simulado.

 

 A realidade virtual é uma tecnologia no ensino que permite que os alunos interajam com cenários tridimensionais. E isso faz com que os conteúdos propostos em sala de aula sejam complementados, explicou o texto “Realidade virtual: uma aliada da educação“, do SophiA.

 

“Ao estudar sobre os continentes, por exemplo, é possível ‘se deslocar’ para a Antártida e conhecer as características do continente mais gelado do planeta”, ilustra o artigo.

 

Orientando sobre as fontes de pesquisa

 

Vale pontuar, entretanto, que, assim como existem inúmeras vantagens relacionadas a inserção dos alunos no mundo digital, existem também as desvantagens.

 

Um exemplo: o grande número de informações incorretas que podem ser achadas na internet. Parte do papel do educador do século XXI, no entanto, é justamente orientar nesse sentido e mostrar aos alunos os melhores caminhos, formas e fontes para pesquisas online.

 

Você deve ter a sua lista de sites confiáveis, nos quais é possível encontrar informações seguras sobre diversos assuntos. Podem ser de universidades ou órgãos renomados, por exemplo; revistas digitais; projetos voltados para a pesquisa acadêmica, entre outras fontes.  Mostre isso a quem você ensina e estará prestando um grande serviço à educação! 

 

A tecnologia presente também na gestão 

 

Não esqueça de outro papel fundamental da tecnologia no ensino  — relacionado à gestão de uma instituição: a otimização, tornar os processos administrativos mais práticos, rápidos e assertivos. 

 

Nesse sentido, é possível contar, por exemplo, com o software SophiA Gestão Escolar.

 

Desenvolvido pela empresa Prima, o sistema dispõe de diversas tecnologias focadas na praticidade de gestão e administração das instituições de ensino. Ele atua tanto na Educação Infantil quanto no Ensino Fundamental, Médio e Técnico. 

 

Saiba mais sobre a ferramenta em: www.sophia.com.br.

 

Se você se interessou por nossa sugestão e gostaria de saber mais sobre como o SophiA Gestão Escolar simplifica a gestão da sua escola, entre em contato diretamente com os responsáveis pelo software e peça uma demonstração!

 

         
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *