Processos financeiros na gestão escolar: como otimizá-los

Processos financeiros na escola
Leitura de 5 minutos

Organização e boas ferramentas tecnológicas são essenciais para que os processos financeiros sejam otimizados na gestão escolar.

 

Para promover uma gestão escolar eficaz, os profissionais que compõem a equipe gestora precisam estar atentos a todos os serviços que são importantes para manter o progresso da instituição de ensino. Os processos financeiros, por exemplo, representam uma parcela desse trabalho: quando o setor financeiro é administrado de forma efetiva, os ganhos para a escola são muitos, como a baixa dos casos de inadimplência e o controle assertivo do fluxo de caixa.

 

Além disso, a gestão escolar que valoriza os processos financeiros consegue dar um passo importantíssimo rumo ao crescimento da instituição, garantindo também melhores recursos para alunos, professores e toda comunidade escolar.

 

Mas, como inserir os processos financeiros na tão complexa gestão escolar? Há alguma forma de otimizá-los, permitindo que os gestores foquem o trabalho em outras áreas estratégicas, como a pedagógica?

 

Na sequência deste artigo, abordaremos essas e outras questões sobre os processos financeiros dentro na gestão escolar. Confira!

 

Otimizando os processos financeiros na gestão escolar 

 

Os processos financeiros têm uma importante representatividade na gestão escolar, pois eles estão diretamente relacionados ao progresso das instituições de ensino. Todos os meses, os profissionais responsáveis por este setor planejam, executam e gerenciam importantes serviços, como:

 

– Geração de boletos; 

– Emissão de notas fiscais;

– Gerenciamento de contas a pagar e a receber;

– Administração do fluxo de caixa;

– Controle da inadimplência;

– Projeção dos  planos de negociação para evitar futuros prejuízos para a instituição de ensino.

 

Diante de tantos processos financeiros para serem executados, a otimização é fundamental para que a equipe possa ter uma atuação mais estratégica. A seguir, listamos algumas dicas de como agilizar o trabalho no setor financeiro sem comprometer a eficácia do serviço:

 

Organização das contas do colégio

O primeiro passo para otimizar os processos financeiros na gestão escolar está relacionado com a organização das contas do colégio. É fundamental manter um bom gerenciamento das contas a pagar e a receber, garantindo que a instituição de ensino identifique e trabalhe para minimizar a inadimplência e também os gastos que estão extrapolando o orçamento da escola. Além disso, um bom planejamento é necessário para que os futuros investimentos sejam realizados de uma forma assertiva.

 

Reconheça as prioridades

Durante a gestão escolar, é comum os administradores encontrarem uma série de pontos que precisam ser melhorados, e isso gera um impacto direto nos processos financeiros. Para manter as contas em dia, é fundamental que o colégio tenha uma lista de prioridades, focada na qualidade do ensino oferecido aos alunos e na segurança do grupo dentro da instituição. Assim, é possível manter as contas equilibradas sem deixar de realizar as tarefas mais importantes.

 

Economia é a palavra

Para que toda a gestão escolar seja realizada com sucesso, é preciso que alguns conceitos sejam implantados e enraizados dentro da instituição de ensino. No caso dos processos financeiros, a palavra economia deve fazer parte das ações de todos: campanhas para economizar água, energia elétrica e papel, por exemplo, são ótimas para trabalhar esse conceito com a comunidade escolar. 

 

O mesmo vale para a aquisição de novos materiais e equipamentos. É preciso planejar os investimentos tendo em mente a atual saúde financeira da escola, sempre levando em conta o uso consciente dos recursos.

 

Como trabalhar os processos financeiros da forma correta durante todo o ano 

 

Como mencionado no tópico acima, o empenho dos profissionais e uma ótima organização são pontos importantes para que os processos financeiros sejam otimizados, levando a uma gestão escolar eficaz. Mas vale destacar que para esse trabalho fluir corretamente durante todo o ano é preciso contar com a ferramenta certa, como o SophiA Gestão Escolar, sistema desenvolvido pela Prima, empresa especializada em tecnologia para o setor educacional.

 

Por meio deste software, é possível gerenciar importantes fases dos processos financeiros adotados pelas instituições de ensino, como:

 

– Controle das operações financeiras;

– Redução da inadimplência do colégio por meio de um controle eficaz de contas a receber;

– Organização da ficha financeira do aluno;

– 2ª via de boleto bancário via internet;

– Emissão de notas fiscais e boletos diretamente na plataforma;

– Registro e acompanhamento das contas a pagar;

– Informações para apoiar a tomada de decisões, como relatórios de fluxo de caixa e descontos concedidos;

– Informatização de processos com a integração com os principais bancos, o que permitirá a eliminação de erros e a otimização das rotinas financeiras.

 

Ao ter o SophiA Gestão Escolar como aliado, o colégio consegue executar boa parte das tarefas de cunho financeiro de forma rápida e automatizada, além de obter informações relevantes para traçar planejamentos efetivos.

 

Se você também quer otimizar os processos financeiros na gestão escolar, acesse o site do SophiA e, em caso de dúvidas, entre em contato com a equipe de especialistas.

Veja mais!

Autismo, escola e pais: como unir forças para realizar a inclusão?
181
Por Luciana Brites Psicopedagoga e psicomotricista, fundadora do Instituto Neurosaber   Falar sobre inclusão escolar é sempre um desafio par...
O papel do Orientador Educacional nas escolas
2019
04 de dezembro é comemorado o dia do Orientador Educacional, mas o que é e o que faz esse profissional? Conheça um pouco mais sobre a jornada desse im...
A importância da observação na educação infantil
1481
Observar uma criança é essencial para entender e acompanhar o seu desenvolvimento. Confira a importância da observação na educação infantil.   ...